Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Esqueça a muvuca. Esqueça o axé. Esqueça que prédios existem.

Bem vindo a Arraial d'Ajuda! Este distrito de Porto Seguro é o lugar certo para relaxar, aproveitar 20 quilômetros de praias lindas e limpas, comer muito bem, divertir-se em um belo parque aquático, escutar uma boa música e muito mais! E o melhor: sem gastar muito. Viagem perfeita!

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

A vila surgiu com a chegada dos primeiros jesuítas em 1549 a bordo de três naus: conceição, salvador, e ajuda - que viriam a ser nomes da cidade e de suas primeiras igrejas. Inicialmente chamado de Arraial de Nossa Senhora d'Ajuda, em homenagem à Santa Padroeira, aos poucos o nome foi sendo reduzido e, na criação legal do Distrito, ficou definitivamente Distrito de Arraial d'Ajuda.

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Arraial é moderna, rústica, romântica, chique, simples, colorida... Uma diversificação grande num espaço pequeno que deu super certo e atraí turistas do mundo todo.

Como numa cidade do interior, o movimento começa na igreja local (construída pelos jesuítas quando chegaram por estas terras, em 1549, e finalizada dois anos depois) e se expande em volta dela. E fora a praça da igreja, duas ruas concentram tudo que Arraial tem de melhor para o turista: a rua Mucugê e a Bróduei.

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

A Mucugê se auto denominada "a rua mais charmosa do Brasil", e ela merece este título. Toda de paralelepípedos, muito colorida e moderna, é lá onde estão alguns dos melhores restaurantes, bares, lojas, galerias de arte e pousadas. É na Mucugê que a noite acontece, com música ao vivo muito boa e opções para todos os gostos e bolsos. A rua dá acesso a praia do mesmo nome e a praia da Pitinga.

Arraial d'Ajuda, um pedaço sossegado da Bahia

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Já a Bróduei não tem tanto charme. Nela estão restaurantes mais simples e várias lojas de artesanato. É por esta rua que chegamos à praça onde fica a igreja de Nossa Senhora d'Ajuda. Atrás da igreja está o famoso mirante que tem uma vista incrível das praias e é tradição no local amarrar uma fitinha no muro e fazer um pedido pra santa. Não custa tentar né? A igreja fica aberta dia e noite e a vista panorâmica é ainda mais linda com o laranja do pôr-do-sol.

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Destaque em Arraial para as pessoas. O atendimento é ótimo em quase todos os locais. Todos são sempre cordiais e prestativos com o turista, um exemplo a ser seguido por todo o Brasil.

Pelo tamanho, é fácil se locomover em Arraial sem precisar de carro.

Certamente você ainda está cheio de dúvidas: quando ir, como chegar, o que esperar? 

Vou tentar ajudar.

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Quando ir?

Quer agito e não se importa de pagar mais caro? A alta temporada vai de dezembro à fevereiro. A cidade fica abarrotada, é fila pra tudo e a paciência vai ser sua melhor amiga. As estruturas dos restaurantes e lojas são muito pequenas e não comportam tanta gente. As praias ficam lotadas.

Como qualquer local praiano, espere picos no Natal, Ano Novo e Carnaval. 

Só vá se você curtir esse tipo de agito.

O restante do ano é bem mais sossegado. Entre março e novembro a cidade está mais vazia e muito mais calma. Praias vazias, restaurantes idem e tudo custando bem menos. A desvantagem é que você pode não encontrar tudo aberto, pois muitos estabelecimentos fecham no inverno para férias. E os meses de abril, maio e junho são os mais chuvosos.

Eu fui em novembro e adorei. A cidade estava tranquila, mas sem aquele vazio que incomoda. Aproveitei tudo calmamente e não peguei nenhum dia de chuva.

Uma dica: se você planeja ir ao parque aquático, confira o calendário de funcionamento. Na baixa temporada ele abre apenas por dois dias na semana.

Como chegar do aeroporto de Porto Seguro até Arraial d'Ajuda?

Quer economizar dinheiro no transporte até Arraial? Então vamos lá. 

Para chegar até Arraial, deve-se pegar uma balsa em Porto Seguro. Atravessar de táxi esta balsa fará você perder muito dinheiro, pois você pagará o preço da travessia do carro (ida e volta!). Um táxi direto do aeroporto até o centro de Arraial custa cerca de R$ 140,00. Duas pessoas podem chegar lá gastando um quarto deste valor.

Saindo do aeroporto de Porto Seguro, pegue um táxi e peça para ele lhe deixar na balsa. Esta viagem custa cerca de R$ 20,00.

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Compre a passagem da balsa até Arraial por R$ 3,50. A balsa parte a cada quinze minutos e a viagem dura 10 minutos.

Chegando do outro lado, já em Arraial, pegue uma Van até o centro de Arraial. Esta é a maneira mais barata e eficiente de se locomover por Arraial. Estas Vans partem da Estrada da Balsa até o centro de Arraial e o inverso, custam R$ 2,50 o trajeto e param para lhe deixar onde for melhor para você. Perfeito!

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Com R$ 32,00 duas pessoas chegam ao centro de Arraial. Como a vila é bem pequena, não será difícil localizar sua pousada e ir até lá caminhando, mesmo com malas. 

Onde ficar em Arraial?

Hospedagem não falta em Arraial. Tem muitas pousadas, hotéis e resorts. Mas antes de tudo você tem que decidir: ficar perto do centro ou das praias?

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Meu conselho: fique no centro de Arraial. Prefira pousadas a poucos quarteirões das ruas Mucugê e Bróduei. Você ficará perto de tudo, com fácil acesso ao transporte e poderá aproveitar noites maravilhosas. As praias e o parque aquático estão perto e dá para ir a pé numa caminhada de dez minutos ou pegar alguma Van que te deixe do lado.

Ficar perto da praia, com o pé na areia, só se o local ter uma estrutura bem bacana. Caso contrário, você será obrigado a ir todos os dias até a rua Mucugê para aproveitar a noite e os bons restaurantes.

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Vale notar que ficar em pousadas pelo centro de Arraial é mais barato do que ficar em pousadas perto da praia. A vista para o mar agrega preço. É claro que deve ser lindo acordar dando bom dia para o mar, mas o preço e a distância até o centro fazem não ser um ótimo custo benefício.

As praias

Todas as praias de Arraial d'Ajuda são lindas, cada uma à sua maneira. São 20 quilômetros de litoral em oito praias.

Elas são feitas para relaxar. Deitar na espreguiçadeira, beber uma cerveja gelada e apreciar a vista. Mas que espreguiçadeira? Bom, deixa eu tentar explicar.

Os quiosques dominam as praias de Arraial. Para entrar na praia quase que obrigatoriamente você passará por dentro de um deles. Achei isto muito errado, a princípio você fica meio perdido sem nem saber que tem que passar pelo quiosque para pisar na areia. E logo que entra você já é abordado pelos funcionários do estabelecimento. Um horror, mas enfim, é assim que as coisas são por lá.

Bom, os quiosques na verdade estão mais para restaurantes. São grandes estruturas que oferecem cadeiras, mesas, espreguiçadeiras e até camas na areia. Claro, tudo ao seu preço.

Alguns cobram consumação mínima para você poder usar a estrutura, outros não. Como eu fui na baixa temporada, nenhum estava cobrando consumação e os preços estavam tranquilos. Uma cerveja garrafa custava cerca de R$ 6,00 e um peixe assado para dois saía por R$ 60,00. Felizmente, nenhum absurdo.

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Vale notar que nenhuma praia é particular. Apesar do acesso ser por um estabelecimento comercial, você pode entrar e sair sem pagar nada (desde que não use a estrutura do local). Nada lhe impede de levar sua sacola térmica com cerveja e petiscos, sentar na areia e aproveitar a praia.

Interessante notar que cada praia tem características distintas bem demarcadas. É fácil perceber quando saímos de uma e entramos em outra, mesmo sem nenhuma placa indicando.

Óbvio que eu não conheci todas! Afinal é muito quilômetro para andar!

Vou listar todas, mas detalhar só aquelas que eu conheci. A ordem esta dá mais perto da balsa até a mais distante, quase chegando em Trancoso.

Praia de Apaga Fogo

É a primeira praia para quem chega de Porto Seguro via balsa. Nela alguns esportes náuticos como o Windsurf são praticados. Na maré baixa os recifes formam piscinas naturais.

Está longe de tudo, chegar nela só se sua pousada estiver por ali.

Praia de Araçaípe

Areia repleta de conchas e algas. Está em frente ao Arraial Eco Parque. 

É bem pouco movimentado por não ter nenhuma estrutura de quiosques. Visitei esta praia pois estava no parque aquático. O mar forma piscinas naturais que dão diferentes tons de azul na água, bem bonito de se ver. Não é uma praia muito boa para caminhar ou nadar, devido a grande quantidade de conchas e algas.

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Praia dos Pescadores

Situada entra Praia do Mucugê e a Praia de Araçaípe. Como o próprio nome diz, muitos barcos de pesca e pouco movimento de turistas.

Praia do Mucugê

É a que tem acesso mais fácil a pé, direto pela rua Mucugê. O mar é tranquilo e quase sem ondas por causa dos recifes.

Tem vários quiosques com ótimas estruturas. Muitos shows e luas acontecem nesta praia, que é uma das mais movimentadas.

Praia excelente para sentar numa cadeira e relaxar. Os preços de todos os quiosques são acessíveis.

Há também muitas algas na água e na areia.

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Praia do Parracho

Praia com uma famosa barraca homônima onde há shows, carnavais fora de época, festas de universidades etc. Na maré baixa forma uma larga faixa de areia. Também é muito frequentada por mergulhadores.

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Praia da Pitinga

Uma das mais belas praias que já conheci. De areia fofa é um dos cartões postais do Arraial. Há um pedaço com quiosques, logo no começo, sentido de quem vem do centro de Arraial. 

Pitinga está a uma hora de caminhada da Praia do Mucugê. Você também pegar uma Van no centro de Arraial e pedir para lhe deixar na Praia da Pitinga, pois há uma rua que da acesso bem no começo dos quiosques.

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Ótima para nadar. O mar é calmo e nesta parte quase não há mais algas. Avistei vários siris andando pela areia.

Em um trecho desta praia há uma lagoa natural de água cristalina. Mas não se confunda, esta não é a Lagoa Azul.

Os quiosques mantém os bons preços, mas têm estrutura mais simples do que os da praia do Mucugê e do Parrocho.

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Bem cheia! A mais cheia de todas as praias de Arraial.

Praia da Lagoa Azul

Tecnicamente não é uma praia. É um trecho curto entre as praias da Pitinga e de Taípe com uma lagoa no centro.

Mas atenção, é uma furada. Não existe mais. Segundo consta, era uma bela lagoa com água cristalina e areia rica em silicato de alumínio (substância utilizada na indústria cosmética), que dizem ser ótimas para a pele, mas que encontra-se seca. O quiosque desta praia foi abandonado e não há muito o que fazer por ali. Tudo que você verá é lama.

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

A areia e o mar são idênticos a da Pitinga.

Praia de Taípe

Preparado para andar? Se você está, vá até Taípe. A última praia de Arraial é, na minha opinião, a mais linda de todas. Para chegar, só andando. Da praia do Mucugê até Taípe é uma caminhada de quase duas horas. Você pode cortar esse tempo pegando uma Van até Pitinga e caminhando a partir dela. Mas vou te dizer, vale o sacrifício.

O mar desta praia é delicioso. A água é de um azul esverdeado lindo, desses que a gente vê em capa de revista. Lugar fantástico.

A praia é isolada por falésias de 20 metros de altura. Um monumento da natureza, difícil de mostrar em fotos. Só estando ao vivo para entender.

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Poucas pessoas chegam até esta praia, o que torna o lugar calmo e silencioso.

Quando fui, um único quiosque prestava serviço, de maneira um tanto simples demais, mas nada que incomoda-se. Os preços são um pouco mais caros que nos outros quiosques, mas a vista compensa.

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Onde comer? 

Opções gastronômicas não faltam em Arraial. Se você gosta de peixe e frutos do mar se dará bem. A carne de sol e o cozido baiano também não deixam a desejar.

Quanto aos restaurantes, são dezenas, principalmente no centro. Têm os simples, os pomposos, com música ao vivo, com mesinhas na calça, os famosos, os caros, os baratos...

Não saberia indicar muitos lugares ou pratos específicos, até porque eu não conheci metade dos restaurantes e sempre prefiro ir nos mais baratos. Sabe como é né? Tenho que economizar, eu já viajo pensando na próxima viagem.

Mas você quer algumas dicas legais?

Na Bróduei há um restaurante que você passa batido e não dá um centavo pro lugar, mas vai por mim, a comida é saborosa e barata. Ele se chama "Restaurante Ele e Ela". É um lugar simples, com mesas de plástico na calçada e tem pratos feitos deliciosos, com sabor de comida caseira! Cada prato custa em média R$ 15,00 e alimenta muito bem. O dono do estabelecimento é uma simpatia e muito prestativo. Se gostar de caldos, não deixe de provar o caldo de sururú, bom demais!

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Outro restaurante prato feito, desta vez mais famoso, é o "Paulo Pescador". Ele está na praça entre as ruas Mucugê e Bróduei. É um restaurante pequeno em que a especialidade são pratos feitos com peixes e frutos do mar, como bobó e moqueca, mas há também pratos com carne e frango. Eles tem preço único de R$ 25,00 e são bem gostosos, mas eu achei pouca a quantidade de comida servida. E um adendo: foi o único lugar em Arraial com atendimento ríspido. Apesar do próprio Paulo passar em todas as mesas para saber se esta tudo certo, as funcionárias dele nos atenderam com cara feia e nem pediram licença para tirar os pratos da mesa, isso enquanto ainda estávamos comendo!

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Pensando agora em um dia na praia, não deixe de pedir um delicioso peixe assado. Não sei indicar um quiosque, comi o meu no único quiosque da praia de Taípe, que nem tinha nome. O peixe vermelho tinha acabado de ser pescado e foi servido somente temperado com limão e acompanhado com banana da terra. E estava divino! Lambi os dedos depois de comer. Custou R$ 55,00 para duas pessoas.

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

De sobremesa, prove a cocada baiana. Muitos lugares vendem cocada de vários sabores diferentes. Amei a de coco queimado e a assada. Seis cocadas custam cerca de R$ 10,00. Compre várias e leve para casa!

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Uma furada foi o acarajé. Pedi numa barraquinha de rua e ele já estava frito e frio! A massa tinha sabor de nada e estava muito dura. Parecia estar ali há uma semana. Horrível. Comi só pra não desperdiçar (e porque a baiana que fez ficou me olhando e perguntando se estava bom e eu fiquei com vergonha de dizer a verdade!). Fica a dica, se for comer acarajé, certifique-se que ele será frito na hora.

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Um restaurante famoso, um pouco mais caro, mas que valeu o investimento, foi o "Morena Flor". Ele fica na rua Mucugê e tem um cardápio baiano variado. O ambiente é bem agradável, com mesinhas em baixo de uma árvore e MPB tocando baixinho. Os pratos custam em média R$ 40,00 por pessoa. Fui de filé de peixe ao molho de camarão (R$ 72,00 para duas pessoas). O prato é muito bem servido. O peixe assado estava muito bem temperado e as batatas que o acompanhavam eram deliciosas.

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Voltando para os pratos feitos, quase ao lado do Morena Flor, vale a pena conhecer o "Cantinho Mineiro". A boa e velha comida de Minas Gerais não falha nunca! O ambiente é rústico e pequeno. Os pratos feitos custam cerca de R$ 18,00 e são muito bem servidos. Abra o apetite tomando uma dose de cachaça mineira. Como o nome do restaurante diz, quase todos os pratos são da deliciosa culinária mineira. É difícil errar a escolha! Antes de sair, repare na televisão que está sempre sintonizada num canal local de Belo Horizonte.

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

E nem pense deixar Arraial sem provar o "Sorvete Coelhinho". Ok, eu sei que aquele coelho chupando uma casquinha em cima de uma bicicleta é meio assustador, mas tome coragem e entre para conhecer. Esta sorveteria italiana faz jus ao slogan "o melhor sorvete da Bahia desde 1995". É um sabor melhor que o outro. O quilo não é barato, custa R$ 36,00, mas vale a pena!

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

O que mais fazer em Arraial d'Ajuda?

Já foi até o centro, amarrou sua fitinha e fez seu pedido para a santa? Bateu perna pela Bróduei e comprou aquela namoradeira linda que você não sabe onde vai colocar na sua casa? Entrou na galeria de arte da rua Mucugê para apreciar os quadros? Aproveitou um dos bons restaurantes de Arraial? Comeu seu acarajé?

Arraial d'Ajuda, um canto sossegado da Bahia

Se sim, você está pronto para explorar mais.

Alguns passeios que merecem sua atenção: conhecer a Praia do Espelho, visitar o Centro Histórico de Porto Seguro, passar um dia no Arraial d'Ajuda Eco Parque ou ir mais longe e desbravar a praia de Coroa Vermelha.

Ufa! Arraial d'Ajuda é incrível. Se você quer relaxar, este é o lugar certo, você não se arrependerá. Foram cinco dias deliciosos e gastando pouco. Quer saber quanto? Clique aqui e confira o extrato total.

Um cheiro pra você!

→ SAIBA MAIS SOBRE ARRAIAL D'AJUDA E PORTO SEGURO

→ Você gosta de economizar? Clique aqui e compre com desconto nas Lojas Americanas!

7 comentários:

  1. minha cidade... perfeita ,linda,divertida, sossegada,praias limpas ...

    ResponderExcluir
  2. Ótimo post, boas e úteis informações. Arraial tem fama de ser um dos locais mais caros do litoral sul da Bahia, mas se o visitante tiver informações como as suas, sem dúvida vai se divertir bastante e não vai ser explorado. Parabéns.

    ResponderExcluir
  3. Tive a oportunidade de ir por duas vezes, não é caro nem perigoso como dizem. Uma delícia de lugar, recomendo!

    ResponderExcluir
  4. olá adorei seu post estarei indo pela primeira vez em Arraial de férias em março.E me ajudou muito sobre onde comer principalmente que era minha maior dúvida.

    ResponderExcluir
  5. Primeiramente parabéns pelas matérias, muito úteis realmente. Gostaria de uma orientação se possível. No mês de março costuma chover em Arraial D'Ajuda?
    Grato

    ResponderExcluir
  6. Bom dia Pedro!


    No mês de março não chove muito, a média da precipitação é de 118 milímetros (um mês com muita chuva tem média acima de 200).

    ResponderExcluir
  7. Bom dia.
    Grato pela informação. Espero poder estar em Arraial D'Ajuda em março/2015. Abraço

    Em 22 de novembro de 2014 08:57, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir